Categorias
Mundo

Jogos Olímpicos 2020 – Bové e Tarantola vice-campeões olímpicos em pares leves, 9ª medalha para a França

(AFP) – Claire Bové e Laura Tarantola deram à França sua nona medalha nas Olimpíadas de Tóquio ao terminar em segundo na final de dois pares de peso leve no remo.

A medalha de prata vem somada à medalha de ouro de Matthieu Androdias e Hugo Boucheron, conquistada na quarta-feira a dois.
O remo francês está, portanto, se saindo melhor em Tóquio do que no Rio, de onde os remadores tricolor saíram com ouro no leve masculino e bronze no leve quatro coxless. No final de uma corrida particularmente acirrada, as francesas foram derrotadas apenas pelas italianas Valentina Rodini e Federica Cesarini, à frente das holandesas Marieke Kaijser e Ilse Paulis, vice-campeãs mundiais, que fizeram a maior parte do trabalho. a corrida na liderança.

“Quando você cruza a linha, você realmente não sabe quantos você é. E quando vejo o painel (de resultados), penso ‘não é verdade, eles devem estar errados’. Foi um grande sonho. “para nós, reagiu Laura Tarantola ao microfone da France Televisions depois da corrida. Bové também não” percebe “:” No início estava ao luar, depois concentrei-me no barco e na corrida, eu ouviu o holandês próximo a nós. Não sei quantos são ”, explicou a que há dois anos ainda assistia às Olimpíadas de Inverno pela televisão, imaginando como reagiria se ganhasse uma medalha. Vice-campeões da Europa em 2019, Tarantola, 27, e Bové, 23, haviam vencido este ano a etapa da Copa do Mundo disputada no final de abril em Zagreb, enquanto Tarantola voltava de uma lesão nas costas. Eles haviam terminado em terceiro em Lucerna (Suíça) um mês depois.